30 julho 2007

Chile aprova software livre na AP
parlamento chileno aprovou por maioria uma proposta de implementação de software livre na Administração Pública. Segundo o site Directorio del Estado a proposta foi apresentada pelo deputado Roberto Sepúlveda, da Comissão de Ciência e Tecnologia, que defende que esta medida traz «inúmeras vantagens em relação a softwares proprietários», nomeadamente a nível de custos. O responsável pela proposta afirmou em comunicado que «considerando que no nosso país o investimento em desenvolvimento científico é ínfimo, a utilização do sistema Linux dá-nos ferramentas computacionais poderosas, praticamente a custo zero». «Todas as vantagens do sistema Linux levam-nos a concluir que se a iniciativa do software livre se difundir no nosso país, partindo do próprio governo, alcançaremos em pouco tempo a verdadeira alfabetização digital, a baixo custo e ao alcance de todos os chilenos», sublinhou o parlamentar.

Nenhum comentário: